Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.esg.br/handle/123456789/820
metadata.dc.type: Monografia
Title: Programas estratégicos do Exército: impactos orçamentários afetando a capacidade de dissuasão brasileira
Authors: Lamellas, Jorge Ricardo de Paula
Advisors: Reis, Alexandre Guimarães
Course: Curso de Altos Estudos de Política e Estratégia (CAEPE)
Keywords: Exército Brasileiro;Estratégia militar;Orçamento - Brasil;Planejamento estratégico
Issue Date: 2019
Publisher: Escola Superior de Guerra (Campus Rio de Janeiro)
Abstract: This paper seeks to analyze the Army Strategic Programs, programs that induce the transformation and modernization necessary for the Army to obtain and establish the capabilities defined by the Federal Government and Defense Ministry, based on the following documents, National Defense Strategy, National Defense Policy, and the Defense White paper, among these capabilities is the deterrence. Although the South American subcontinent has peaceful characteristics and no major wars, in the last decades, the region is characterized by constant low intensity conflicts resulting from the great political and social instability. The objective to be achieved in the work is to analyze the Army Strategic Programs, identifying which projects should be prioritized for the search and maintenance of the Brazilian deterrent capacity. The low budgets over a sequence of years and their lack of continuity have negatively impacted the required material deliveries by the strategic programs and in consequence have led to greater obsolescence in technology materials, causing some programs to be delayed and even discontinued, thus enabling a weakening of the military power and the Brazilian deterrent capacity against the South American countries.
Description: Este trabalho busca analisar os Programas Estratégicos do Exército, programas indutores da transformação e modernização necessária para que a Força Terrestre obtenha e estabeleça as capacidades definidas pelos documentos base do Governo Federal e do Ministério da Defesa para a Defesa, a Estratégia Nacional de Defesa, Política Nacional de Defesa e o Livro Branco de Defesa, dentre estas capacidades ressalta-se a necessidade da capacidade de dissuasão. A despeito do subcontinente sul-americano possuir características pacíficas, não possuindo guerras de grandes proporções, nas últimas décadas, a região caracteriza-se por constantes conflitos de baixa intensidade, decorrentes da grande instabilidade político-social. O Objetivo a ser atingido no trabalho é de analisar os Programas Estratégicos do Exército, identificando quais projetos deverão ser priorizados para a busca e manutenção da capacidade de dissuasão brasileira. Os baixos orçamentos durante uma sequência de anos e a falta de continuidade destes, vem impactando de forma negativa as necessárias entregas de material pelos programas estratégicos e trazendo por consequência uma maior obsolescência em materiais de tecnologia, causando atraso e até mesmo descontinuidade de alguns programas, desta forma possibilitando um enfraquecimento do Poder militar e da capacidade dissuasória brasileira frente aos países sul-americanos.
URI: https://repositorio.esg.br/handle/123456789/820
Appears in Collections:Coleção de Monografias (Planejamento Estratégico e Gestão)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JORGE RICARDO DE PAULA LAMELLAS.pdf977.96 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.