Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.esg.br/handle/123456789/1801
metadata.dc.type: Monografia
Title: A atuação do “Novo Cangaço”
Authors: Cavalcante, Aldênis Bezerra
Advisors: Costa, Lara Denise Góes da
Course: Curso de Altos Estudos de Política e Estratégia (CAEPE)
Keywords: Criminalidade;Segurança pública;Organizações criminosas;Violência urbana
Issue Date: 2023
Publisher: Escola Superior de Guerra
Abstract: The scope of this work is to analyze the type of crime known as “Novo Cangaço”, which has been gaining great repercussion in the country, in terms of property crimes, using old procedures, based on the old cangaceiros who acted in the Northeast of Brazil. The advancement of this type of organized crime has increasingly impacted Brazilian society, in addition to Public Security bodies. This type of crime has stood out due to its violence and the difficulty of prevention and reprimand, being responsible for the majority of crimes classified as robberies and thefts from financial institutions, safe cars and ATMs. Considering this context, the main objective of this study was to analyze and describe the way in which criminals act, the difficulty in combating actions due to prior planning and the high firepower presented by criminals, who use explosives in the commission of crimes. in addition to large-caliber weapons, as well as their links with the roots of organized crime in Brazil and the existing structure with current Criminal Organizations.By analyzing all the problems in public security related to the increase in this crime, specifically causing a great feeling of insecurity, it will be possible to evaluate the impacts on public order, defense and national development, in a joint effort to combat this type of crime in the Brazil. It was concerned with examining possible preventive measures to reduce the outbreak of crimes, in particular, the intelligence activity of the competent state bodies.The study was guided by the following objectives: analyze the figure of the “Novo Cangaço” nowadays, with the variations in the modus operandi, procedures adopted by the new cangaceiros, examine crimes against property and their particularities within the structure of the Penal Code Brazilian and the changes brought by current legislation. During the work, characteristics and statistics of occurrences at national level will be highlighted. A case study carried out by a Criminal Expert from the State of Tocantins, in the area of forensic ballistics, will be presented, which contributed to connecting several attacks that occurred in the state and surrounding areas, as well as details of “Operation Canguçu”, which took place in April 2023. and considered the largest in the country. This operation was the result of an attempted robbery of a value carrier, which took place in the city of Confresa/MT on April 9, 2023, characterized as a “Novo Cangaço” crime.
Description: O presente trabalho tem por escopo analisar a modalidade de crime conhecida como “Novo Cangaço”, que vem ganhando grande repercussão no país, no que tange aos crimes patrimoniais, utilizando procedimentos antigos, baseada nos velhos cangaceiros que agiram no Nordeste do Brasil. O avanço dessa modalidade do crime organizado, vem impactando cada vez mais a sociedade brasileira, além dos órgãos de Segurança Pública. Essa modalidade de crime vem se destacando devido a sua violência e a dificuldade de prevenção e repreensão, sendo responsável pela maioria dos crimes tipificados como roubos e furtos a instituições financeiras, carros fortes e caixas eletrônicos. Considerando esse contexto, o objetivo principal desse estudo foi analisar e descrever uma conjuntura da maneira como os criminosos atuam, a dificuldade em combater as ações devido ao planejamento prévio e ao alto poder de fogo apresentado pelos criminosos, os quais utilizam explosivos na prática dos delitos além de armas de grosso calibre, bem como suas vinculações com as raízes do crime organizado no Brasil e a estruturação existente com as atuais Organizações Criminosas. Analisando todos os problemas na segurança pública relacionados com o aumento desse crime, especificamente, causando uma grande sensação de insegurança, será possível avaliar os impactos na ordem pública, na defesa e no desenvolvimento nacional, em um esforço conjunto de enfrentamento desse tipo de criminalidade no Brasil. Preocupou-se em examinar eventuais medidas preventivas para reduzir a eclosão dos delitos, em especial, a atividade de inteligência dos órgãos estatais competentes. O estudo norteou-se pelos seguintes objetivos: analisar a figura do “Novo Cangaço” nos dias atuais, com as variações dos modos operandi, dos procedimentos adotados pelos novos cangaceiros, examinar os crimes contra o patrimônio e suas particularidades dentro da estrutura do Código Penal Brasileiro e as modificações trazidas pelas legislações atuais. No decorrer do trabalho, serão apontadas características e estatísticas de ocorrências a nível nacional. Será apresentado um estudo de caso realizado por um Perito Criminal do Estado do Tocantins, da área de balística forense, que contribuiu para interligar diversos ataques ocorridos no estado e arredores, bem como serão apresentados detalhamentos da “Operação Canguçu”, ocorrida em Abril de 2023 e considerada a maior do país. Esta operação foi decorrente de uma tentativa de assalto a uma transportadora de valores, ocorrido na cidade de Confresa/MT em 09 de abril de 2023, caracterizado como um crime do “Novo Cangaço”.
URI: https://repositorio.esg.br/handle/123456789/1801
Appears in Collections:Coleção de Monografias (Segurança Pública)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CAEPE.05 TCC VF.pdf1.44 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.