Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.esg.br/handle/123456789/1276
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorLouzada, José Teixeirapt_BR
dc.contributor.authorPontes, Luiz Antoniopt_BR
dc.date.accessioned2021-03-18T20:52:50Z-
dc.date.available2021-03-18T20:52:50Z-
dc.date.issued2015-
dc.identifier.urihttps://repositorio.esg.br/handle/123456789/1276-
dc.descriptionOs programas partidários tem por escopo a apresentação do pensamento de cada partido político, por meio da agregação de proposições que visam atender o bem comum de uma nação, na visão de seus partidários. Definem a identidade de cada partido e devem ser peças importantes na condução e nos rumos que cada partido quer dar ao país. Por sua vez, a Política Nacional de Defesa dispõe que “o conjunto de medidas e ações do estado, com ênfase na expressão militar para a defesa do território, da soberania e dos interesses nacionais contra ameaças preponderantemente externas, potenciais ou manifestas”. Diante da relevância do tema Defesa Nacional, este trabalho tem por objetivo verificar em que medida os programas dos principais partidos políticos brasileiros, manifestam o tema Defesa Nacional, sob o enfoque da expressão Militar, em 2015. Para tanto, analisa os 32 (trinta e dois) programas dos principais Partidos Políticos brasileiros (aqueles registrados no Tribunal Superior eleitoral, no primeiro semestre de 2015). Constata que esse tema é tratado em apenas 44% dos programas dos principais Partidos Políticos brasileiros e mesmo assim, de forma bastante superficial. O resultado é considerado coerente com a Saliency Theory. Apresenta, ainda, uma pequena consideração após a criação do 33º (trigésimo terceiro) partido político e, ao final, algumas sugestões para novos estudos.pt_BR
dc.description.abstractThe party programs focus on the presentation of the thought of each political party, through the aggregation of proposals that aim to serve the common good of a nation, in the view of his supporters. Define the identity of each party and should be important parts in driving direction and that each party wants to give the country. In turn, the National Policy of Defense states that "the set of measures and state actions, with emphasis in the military expression for the defense of the territory, sovereignty and national interests against threats preponderantly external, potential or manifest". Due to the relevance of the theme of National Defense, this study aims to verify to what extent the programs of major Brazilian`s political parties manifest the theme National Defense, with a focus on military expression, in 2015. Therefore, analyzes the 32 (thirty-two) programs in Brazil's main political parties (those registered in the Electoral Superior Court, the first half of 2015). Notes that this issue is dealt with in just 44% of the programs of Brazil's main political parties and yet, in a very superficial way. The result is considered consistent with the Saliency Theory. It also presents a small consideration after the creation of the 33 (thirty-third) political party and at the end, some suggestions for further studies.en_US
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherEscola Superior de Guerra (Campus Rio de Janeiro)pt_BR
dc.subjectDefesa Nacional - Brasilpt_BR
dc.subjectPolítica - Brasilpt_BR
dc.subjectPartido políticopt_BR
dc.subjectTribunal Superior Eleitoral (TSE)pt_BR
dc.titleDefesa Nacional: uma visão dos programas dos principais partidos políticos brasileiros,sob o enfoque da expressão militar,em 2015pt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.publisher.departmentCurso de Altos Estudos de Política e Estratégia (CAEPE)pt_BR
Appears in Collections:Coleção de Monografias (Política)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LUIZ ANTONIO PONTES.pdf577.04 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.